Swing Trade em ações, por onde começar?

Tempo de leitura

4 min

Tamanho da fonte

Aa

Aa

Aa

Conheça uma das operações mais famosas do mercado financeiro

O Swing Trade nada mais é do que um tipo de operação de negociação de ações ou derivativos em que o investidor busca um ganho no curto prazo, então é uma operação especulativa com gerenciamento de risco. 

Geralmente, esse tipo de operação pode levar de poucos dias, até algumas semanas ou meses. Então, não dá para ter certeza quanto tempo ela vai durar no momento que inicia.

Leia também: Vale a pena investir em ações? 

A grande diferença do Swing Trade, que estamos tratando neste texto, para o Day Trade, outra modalidade muito comum no dia a dia do mercado, é que o Day Trade é realizado sempre no mesmo dia. Toda vez que uma operação demora mais de um dia, ela se chama Swing Trade

Confira o vídeo feito pelo CEO da iHUB, Paulo Cunha, sobre como começar a praticar estratégias de Swing Trade em ações.

Na iHUB você encontra os relatórios que oferecem recomendações expressas de compra ou venda de determinados ativos já com o seu gerenciamento de risco, colocando o Stop e qual o seu objetivo de ganho. Faça o seu cadastro na plataforma iHUB Lounge e tenha acesso gratuito aos materiais.

Quais são as estratégias para Swing Trade?

A estratégia mais utilizada ou o tipo de decisão mais recorrente quando se realiza um Swing Trade é a análise técnica ou análise gráfica. Na maioria das vezes, o investidor busca seguir uma tendência.

Se trata daquela ação, aquele ativo que quer negociar, ou ele está subindo e você compra na expectativa de que possa vender mais caro, ou está em uma tendência de baixa, e pode vender para comprar novamente com um preço mais baixo.

Então, neste momento ocorre uma das imagens clássicas do mercado financeiro, de um grupo de pessoas olhando um monte de gráficos, visto que são muitos estudos que são realizados naquelas telas, são estudos de análise técnica.

Para concluir esta breve explicação, é preciso ter em mente que a análise técnica ou análise gráfica, você não deve olhar se a empresa está tendo lucro, se está tendo resultado, se a ação tá supostamente barata ou se está cara. O que deve ser observado é a tendência ou comportamento do preço dos ativos no gráfico. 

Agora, outro tipo de estratégia é a análise fundamentalista. Neste caso, o investidor observa como está aquela empresa na realidade antes de tomar a decisão. Algumas perguntas podem ajudar:

  • Ela está tendo lucro? 
  • Os lucros estão crescendo? 
  • Como está a relação do preço negociado em bolsa versus a relação do lucro que ela tem apresentado?

A análise fundamentalista é muito utilizada para operações de longo prazo, pois, o investidor costuma utilizar para fazer o famoso Buy and Hold, quando compra uma determinada ação e permanece com ela por longos anos até que consiga comprovar o seu valor. 

Em parte das decisões de operações de Swing Trade, a análise técnica é mais utilizada, porque ela costuma ser mais assertiva nos movimentos de curto prazo. Porém, hoje também é muito comum que os analistas e os próprios investidores se utilizem de ambas as análises.

Então, você pode utilizar a análise gráfica para tomar a decisão do melhor ponto de entrada ou saída de determinado ativo, porém, apenas observar aqueles ativos que têm algum fundamento por trás ou que estão com uma boa relação do preço da ação versus o lucro da empresa. 

Quais plataformas são utilizadas para negociar ações em Swing Trade?

A principal plataforma hoje utilizada pelos profissionais é o ProfitChart, que você consegue acessar através da XP por R$9,90 apenas.

Ela é a melhor plataforma para elaborar as análises técnicas ou análises gráficas, cruzamento de média móvel, rompimento de máxima, rompimento de fundo e por aí vai. O interessante é que essa plataforma costuma ser muito mais cara, porém, através da iHUB é possível acessar com este preço exclusivo. 

Uma outra ferramenta que essa plataforma oferece faz parte do gerenciamento de risco do tipo de operação realizada, principalmente quando se fazo Swing Trade, que é conseguir selecionar alguns starts e stops.

O start significa aquele ponto em que se inicia a operação, ou seja, é possível pré-programar a operação. Por exemplo, determinada ação está sendo negociada a R$10,00 e quando romper os R$11,00 o investidor deseja comprar porque acredita que ela vai iniciar uma tendência de alta mais forte. 

Então, a plataforma executa de forma automática. Ao mesmo tempo, você também pode elaborar um stop, que é exatamente o contrário. Se a mesma ação que custa R$11,00 começar a cair e for pra baixo de R$10,00, pode querer vendê-la e minimizar a perda, limitando o prejuízo a um real por ação, é uma forma de se prevenir.

Uma outra coisa muito interessante que a plataforma possibilita é estabelecer o Stop Gain, e até com mais de um objetivo. Funciona dessa forma: se o investidor compra 200 ações a R$11,00, assim, ele pode colocar objetivo, exemplo: quando chegar a R$13,00, vender metade das ações, e assim por diante.

Isso permite que você deixe a plataforma executando de maneira automática, e está livre para realizar outras atividades ao longo do dia, verificando perto do fim pregão se deu entrada, se deu ganho, se deu os stops ou se por acaso é melhor segurar aquela ação ou aquele ativo por mais algum tempo. 

Como funciona o imposto de renda de Swing Trade?

A Receita faz uma distinção muito clara do que é Day Trade, e o que são outras operações realizadas no mercado. Então, falando especificamente de Swing Trade, existe a isenção quando são realizadas as vendas totais dentro do mês de até R$20 mil, mas não é só de determinado ativo, e sim da soma total de vendas feitas no mês.

Agora, para aquele investidor que excedeu o volume de R$20 mil em determinado mês, caso ele tenha ganho, terá que pagar 15% de imposto sobre o rendimento obtido.

As corretoras já fazem uma retenção na fonte de qualquer valor de venda, independente se teve lucro ou não, de 0,005%. Isso é o que a gente chama de dedo duro do governo. Então, através desse imposto retido na fonte, a receita consegue saber quem está negociando ativos. 

Então, na apuração desse ganho, o investidor pode descontar os outros custos que ele teve, com isso, ele terá o que a gente chama de resultado líquido. E, neste ponto, precisa gerar uma guia de pagamento de imposto de renda para pagar até o último dia do próximo mês que obteve aquele ganho, e o código da guia é 605. 

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com o nosso time de assessores através do formulário abaixo.