O que são investimentos em renda fixa e como aplicar?

Tempo de leitura

2 min

Tamanho da fonte

Aa

Aa

Aa

Quer saber o que são investimentos em renda fixa e como fazer para aplicar seu dinheiro? Então você veio ao lugar certo!

Muita gente deixa o dinheiro parado no banco por se sentir mais seguro ao saber o que vai acontecer com ele. Porém, o que muitos não sabem, é que é possível investir de forma segura.

No caso dos investimentos em renda fixa, a rentabilidade final vai depender da taxa de juros aplicada. Desta forma, você pode optar por dois formatos: os papéis pré-fixados e os pós-fixados.

No primeiro caso, a taxa é a mesma do início ao fim, estabelecida quando as aplicações são lançadas. Assim, o investidor já sabe quanto vai receber, em reais, no dia do vencimento.

Por sua vez, no pós-fixado, o investimento segue algum índice, como a taxa do CDI ou a Selic, por exemplo. Portanto, você não sabe o valor exato que vai receber, mas pode acompanhar as tendências.

Por fim, é possível investir em papéis híbridos, mesclando características dos pré e pós-fixados. Isso significa que uma parte do rendimento será por juros fixos e a outra tem ligação com uma taxa.

Como funcionam os investimentos em renda fixa?

Agora que você já sabe o que são investimentos em renda fixa, é hora de saber como eles funcionam. Na prática, você “empresta” seu dinheiro para uma empresa, para um banco ou mesmo para o governo. Então, você recebe o valor com juros, um tempo depois.

Existem vários tipos de investimento em renda fixa. Sendo assim, você deve escolher o que combina melhor com o seu momento atual de vida e com seus objetivos financeiros.

Confira abaixo os principais:

CDB

Neste caso, você empresta seu dinheiro para um banco. Por isso o nome CDB, que é uma sigla para Certificado de Depósito Bancário. Desta maneira, você deixa um valor com a instituição por um tempo e, quando “pega de volta”, recebe juros.

Em geral, a taxa que define quanto você vai ganhar de volta é o CDI (Certificado de Depósito Interbancário).

LCI e LCA

Estas siglas significam Letra de Crédito Imobiliário e Letra de Crédito do Agronegócio. Com elas, você pode “emprestar” seu dinheiro para instituições destes dois setores. A vantagem é que em ambos os casos você fica isento de pagar Imposto de Renda sobre estes títulos.

Conheça o Tesouro Selic, opção de investimento de renda fixa: “Como funciona o Tesouro Selic?”

Tesouro Direto

O grande querido de quem está saindo da poupança. Esse investimento é um programa do Tesouro Nacional. Ou seja, você compra um título público federal ao optar por esse tipo de investimento, “emprestando dinheiro para o governo”. Em troca, você recebe juros.

Debêntures

Já as debêntures são títulos de dívidas. Isso significa que você empresta dinheiro para uma empresa que precisa pagar débitos ou mesmo fazer um investimento.

Leia mais sobre este tipo de investimento aqui: O que são debêntures e como investir

Fundos de renda fixa

Além destas opções, você também pode buscar fundos de investimento que sejam de renda fixa. Essa é uma modalidade coletiva para aplicar seu dinheiro, por meio de um gestor. Assim, você pode ganhar com o retorno da aplicação e com a valorização das cotas deste fundo.

Ainda tem dúvidas sobre como investir em renda fixa?

Nem sempre saber o que são investimentos em renda fixa dá a segurança de fazer tudo sozinho. Se você ainda tem dúvidas ou precisa de algum tipo de suporte para começar a ver seu dinheiro render, entre em contato com nosso time preenchendo o formulário abaixo.